English    Español    Deutsch    Polski    Português    繁體中文    简体中文    한국어    ไทย    Tiếng Việt

I. Cabeçalho

i. Introdução.

A. Esta página contem todas as regras e regulamentos para a Liga Internacional de Saimoe (International Saimoe League, sendo assim abreviada como ISML) 2009, incluindo, mas não limitado a, procedimentos e penalidades.

B. Esta página foi atualizada pela ultima vez em 1 de Janeiro de 2009, Revisão F.

ii. Avisos Gerais a Respeito da Interpretação e Dúvidas Sobre as Regras.

A. Todas as decisões referem-se a essa pagina de regras e serão interpretadas somente pela Equipe Responsável pela ISML.

B. Todas as regras estão sujeitas a mudanças à critério do administrador.

II. Pré-requisitos

i. Requisitos dos Candidatos.

A. Um Candidato é definido como um personagem do sexo feminino de qualquer série de animação Japonesa (anime).

B. Candidatos são elegíveis a participar dessa Liga se, e somente se, as condições a seguir forem satisfeitas:

1. O Candidato deve representar uma série de anime.

2. O Candidato deve representar uma série de anime que não é classificada para maiores de 18 anos.

a. Candidatos representando anime com cenas de conteúdo pornográfico ou hentai não podem ser nomeados.

b. Se o Candidato representa múltiplas séries de anime ele deve representar uma série que não é classificada para maiores de 18 anos.

3. Não existem limitações em relação à data de exibição ou duração de uma série de anime. Séries exibidas na TV, OAVs (Original Animation/Animated Videos), OVAs (Original Video/Visual Animations) e filmes serão aceitos como séries de anime adequadas para serem representadas desde que a Equipe Responsável pela ISML possa confirmar a existência das mesmas.

C. Todos os candidatos serão submetidos a uma verificação de procedência.

1. Se o Candidato proposto não for do sexo feminino e não demonstrar características femininas, ele ou ela será reprovado na verificação de procedência.

2. Se o Candidato proposto não tem um nome ou uma maneira adequada de identificação universal, ele ou ela será reprovado na verificação de procedência.

3. Se o Candidato proposto não tem tempo de exibição suficiente no anime que representa, ele ou ela será reprovado na verificação de procedência.

4. Se durante o procedimento de verificação de procedência não houver informações suficientes, o Candidato proposto será reprovado na mesma.

5. Todas as decisões a respeito da verificação de procedência serão tomadas somente pela Equipe Responsável pela ISML.

ii. Elegibilidade dos Candidatos.

A. Por causa da quantidade limitada de recursos disponíveis para um torneio todos contra todos, apenas sessenta e quatro Candidatos irão participar da ISML a cada ano até que seja iniciado um plano para expandir ou reduzir o número de Candidatos.

B. ISML 2009 terá um máximo de quarenta e oito qualificações ou “ofertas” automáticas.

1. Candidatos DEVEM ser aprovados na verificação de procedência para serem elegíveis a uma qualificação automática ou indicação automática, como é determinada pela Seção II, Subseção i.

2. Candidatos que preencherem um dos requisitos a seguir serão elegíveis a uma indicação automática. Uma indicação automática é definida como uma oferta prioritária para uma qualificação automática. A seguir estão listadas as qualificações em ordem de prioridade.

a. Candidatos listados no Top 16 da ISML 2008.

b. Candidatos que ganharam um Colar na competição da ISML do ano anterior desde que tenham obtido pelo menos a quantidade equivalente em pontos, menos um, a trinta e duas vitórias na temporada regular.

c. Candidatos que ganharam ou empataram uma partida nas Oitavas de Final, também definida como Rodada 7, da Korea Best Moe 2008.

d. Candidatos que ganharam ou empataram em uma das partidas Finais de Grupo no Torneio de Saimoe Japonês (Anime Saimoe Tournament of Japan), 2008.

e. Candidatos que ganharam ou empataram uma partida na Korea Super Best Moe 2008, Rodada 5 (8 Vitoriosos) ou Rodada 7 (Rodada Final de Repescagem).

f. Candidatos que obtiveram pelo menos a quantidade equivalente em pontos menos um a trinta e duas vitórias na temporada regular na competição da ISML do ano anterior, desde que eles não satisfízeram nenhum dos 5 requisitos precedentes.

3. Se o número total de indicações automáticas excederem quarenta e oito, então uma ordem de prioridade entre os requisitos acima, na ordem de um sistema de classificação determinado pela Equipe Responsável pela ISML, será iniciada até que um total de quarenta e oito qualificações automáticas seja determinado.

C. Uma rodada de nomeação, como é determinado pela Seção III, subseções i e ii, será realizada para determinar os Candidatos restantes. O número de nomeações disponíveis é definido como o número de qualificações automáticas subtraído de sessenta e quatro.

III. Procedimentos da Liga

i. Sistema de Nomeação.

A. O sistema de nomeação usa um sistema de pesos. Os eleitores irão nomear e pontuar os Candidatos de acordo com suas respectivas preferências.

1. NÃO é permitido aos eleitores nomear um Candidato que já foi qualificado a Liga através dos requisitos listados na Seção II, Subseção ii, Regra B.

2. É permitido aos eleitores nomear até 8 Candidatos, alocando a cada um deles uma das notas à seguir, a seu próprio critério: dez (10), oito (8), seis (6), cinco (5), quatro (4), três (3), dois (2), e um (1).

3. Se eleitores escolherem nomear menos de oito Candidatos os valores em pontos que não forem alocados serão perdidos. Pontos não utilizados não podem ser redistribuídos a outros Candidatos.

B. Cada eleitor pode nomear uma e apenas uma vez.

1. Um eleitor pode exercitar seu direito de mudar sua nomeação entrando em contato com um membro da Equipe Responsável pela ISML, por e-mail, fornecendo o seu número de IP junto com as nomeações revisadas.

2. Se existir muitas nomeações similares, ou exatas, vindas de uma faixa em particular de endereços IP, tais endereços e o(s) respectivo(s) eleitor(es) poderão ser banidos da competição à critério da Equipe Responsável pela ISML.

ii. Procedimentos da Rodada Preliminar.

A. Após a conclusão do estágio de nomeação todos os pontos serão contabilizados e todos os Candidatos nomeados serão submetidos à verificação de procedência. Ao termino da contabilização os quarenta e oito Candidatos, que forem aprovados na verificação de procedência e tiverem a maior quantidade de pontos, irão avançar para as rodadas preliminares. Se existir um empate para o 48º lugar uma partida de desempate será realizada para determinar os quarenta Candidatos elegíveis para a rodada preliminar. Candidatos que participarem da partida de desempate serão elegíveis a entrar na rodada preliminar até que quarenta e oito Candidatos o tenham feito.

B. Os Candidatos serão em seguida divididos em quatro grupos iguais. A votação para cada grupo acontecerá por um período de vinte e quatro horas começando na terceira Segunda Feira de Janeiro e continuando, o quanto for necessário, a cada Quinta e Segunda. No final do período de votação os Candidatos com o maior número de votos em cada grupo irão ocupar uma das vagas restantes para a temporada regular como é explicado na Seção III, Subseção iii. Os Candidatos restantes serão redistribuídos através de uma fórmula estatística determinada pela Equipe Responsável pela ISML e o processo irá se repetir até que todas as vagas estejam ocupadas.

1. Cada eleitor pode votar apenas uma vez por grupo a cada período e para apenas um Candidato em cada grupo.

a. Um eleitor pode exercitar seu direito de mudar o seu voto entrando em contato com um membro da Equipe Responsável pela ISML, por e-mail, fornecendo o seu número de IP junto com os votos revisados.

b. Se existir muitos votos para um Candidato vindos de uma faixa em particular de endereços IP, tais endereços e o(s) respectivo(s) eleitor(es) poderão ser banidos da competição da ISML a critério da Equipe Responsável pela ISML.

2. No caso de restarem menos de quatro vagas disponíveis a Equipe Responsável pela ISML se dá o direito de determinar o número de grupos e o número de Candidatos em cada grupo para a rodada preliminar final.

iii. Procedimentos da Temporada Regular.

A. Uma Partida é definida como um sistema padrão de votação HTML entre dois Candidatos e uma opção de abster-se de votar.

B. Os sessenta e quatro Candidatos que se qualificarem automaticamente através dos requisitos de elegibilidade listados na Seção II, Subseção ii, Regra B, ou através o sistema de nomeação e de preliminares explicados na Seção III, Subseção ii, participarão de um torneio todos contra todos consistindo de sessenta e três Rodadas.

C. Cada Candidato vai enfrentar os outros sessenta e três Candidatos um a um em uma Partida pro Rodada. Cada Candidato enfrentará uma vez cada um dos outros sessenta e três Candidatos.

1. Partidas da Temporada Regular não poderão durar menos que vinte e quatro horas. Partidas da temporada regular podem receber uma extensão de tempo a critério da Equipe Responsável pela ISML se existir algum problema interno na votação.

2. Partidas da temporada regular serão decididas unicamente pelo número de votos recebidos pelos eleitores. O número de votos recebidos serão salvos em um banco de dados para tratar dos critérios de desempate da classificação.

3. Se um Candidato tem mais votos que o Candidato adversário, o Candidato irá registrar uma vitória e o Candidato adversário irá registrar uma derrota.

4. Se dois Candidatos tiverem um número igual de votos o resultado será um empate e uma tentativa de decidir o vencedor se seguirá na forma de uma Partida de prorrogação.

a. A partida de prorrogação vai consistir apenas das partidas da temporada regular em que o resultado final foi um empate.

b. Votos acumulados em uma Partida de prorrogação não serão registrados no banco de dados da classificação.

c. O Candidato com mais votos no final de uma Partida de prorrogação vai registrar uma vitória por prorrogação. O Candidato com menos votos vai registrar uma derrota por prorrogação. Se ambos os candidatos tiverem o mesmo número de votos o resultado será um empate sem uma segunda tentativa de decidir um vencedor.

D. Um sistema de classificação será estabelecido para classificar os Candidatos pela sua performance e resultados. O sistema de classificação é definido por uma serie de critérios de desempate.

1. A maior prioridade no sistema de classificação, que também é conhecida como Critério de Desempate 0, é determinado pelo número de Pontos da Liga de um Candidato. Pontos de Liga são definidos a seguir:

a. Uma vitória resulta em três (3) pontos.

b. Uma derrota resulta em zero (0) pontos.

c. Uma vitória por prorrogação resulta em dois (2) pontos

d. Uma derrota por prorrogação resulta em um (1) ponto.

e. Um empate resulta em um e meio (1.5) pontos.

2. Critério de Desempate 1 é determinado pelo número de vitórias de um Candidato.

3. Critério de Desempate 2 é determinado pelo número de vitórias por prorrogação de um Candidato.

4. Critério de Desempate 3, também conhecido como pareamento por Confronto Direto, é determinado pelo vencedor da partida entre dois Candidatos com Critérios de Desempate 0, 1 e 2 coincidentes.

5. A formula a seguir é conhecida como a Força da Programação e será usada nos próximos dois critérios de desempate.

a. A Formula da Força da Programação é definida tomando-se o número total de vitórias multiplicado por três mais o número total por vitórias de prorrogação, empates em partidas de prorrogação e derrotas por prorrogação. O valor resultante é definido como “Força da Programação”.

b. Critério de Desempate 4, também conhecido como Força da Programação dos Oponentes Derrotados, é determinado pelo total da Força da Programação de todos os oponentes derrotados prontamente por um Candidato. Um “oponente derrotado prontamente” é definido como um oponente derrotado sem a necessidade de uma Partida de prorrogação.

c. Critério de Desempate 5, também conhecido como Força da Programação de Todos os Oponentes, é determinado pelo total da Força da Programação de todos os oponentes de um Candidato.

6. Critério de Desempate 6, também conhecido como Diferencial de Votos, é determinado como a soma de votos recebidos por um Candidato menos a soma de votos contra o mesmo.

7. Critério de Desempate 7 é determinado pelo total de votos recebidos por um Candidato.

8. Critério de Desempate 8 será determinado pela Equipe Responsável pela ISML.

E. A temporada regular será dividida em sete Períodos de nove Rodadas cada um. Além do sistema de classificação cumulativo estará em vigor um sistema de classificação de Período para cada um dos setes Períodos. No final de cada Período o Candidato com a maior classificação pelo sistema de classificação de Período irá receber um Colar e será declarado o vencedor desse Período.

F. Nos dias que ocorrerem uma Partida da temporada regular o formulário de votação conterá trinta e duas Partidas. Cada Candidato irá participar de uma Partida especifica. Apenas um botão de “Enviar” (Submit) estará presente por formulário de votação para submissão do voto.

1. Cada eleitor deve marcar uma opção entre Candidato A, Candidato B ou Abster-se (Abstain) para todas as trinta e duas Partidas antes de submeter o formulário de votação através do botão “Enviar” (Submit). A partir do momento em que o voto é submetido o eleitor não poderá mais alterá-los.

a. O conjunto de votos submetidos ao servidor irá, além das suas escolhas, conter o endereço de IP do eleitor e a data e hora que ocorreu a submissão.

b. Se um eleitor deseja requisitar uma mudança nas escolhas do seu conjunto de votos, ele deverá enviar o seu endereço de IP junto com a mudança desejadas nas escolhas das Partidas para [email protected]

2. Todos os eleitores devem votar em um Candidato em um número designado de arenas, como é listado abaixo.

a. Um eleitor deve votar em um Candidato pelo menos em oito partidas através do formulário de votação contendo trinta e duas partidas. Em outras palavras, um eleitor pode abster-se de no máximo vinte e quarto partidas.

b. Para todos os outros formulários de votação um eleitor deve votar por um Candidato em pelo menos uma partida.

3. Aos eleitores é permitido um, e apenas um, voto por endereço de IP. Eleitores podem usar um e apenas um endereço de IP por Rodada para votar. Desacato a afirmação anterior resultará em um período de provação temporário ou permanente ou em um banimento do processo de votação a critério da Equipe Responsável pela ISML.

a. Um eleitor que usar um Proxy para mudar endereços de IP a fim de votar mais de uma vez terá os votos correspondentes removidos e irá ser banido do processo de votação da ISML.

b. A faixa de endereços IP obtida por um eleitor que desconectar e reconectar a seu Provedor de Internet para obter um endereço de IP diferente a fim de votar mais de uma vez irá ser colocada em observação. Ofensas repetidas resultarão em um banimento à critério da Equipe Responsável pela ISML.

iv. Procedimentos da Pós-temporada.

A. No final da temporada regular, os dezesseis Candidatos com melhor classificação no sistema de classificação cumulativo explicado na Seção III, Subseção iii, participarão da pós-temporada que será realizada quatro a cinco semanas após o termino da Partida final da temporada regular.

1. Todas as partidas que ocorrerem na pós-temporada seguirão os regulamentos determinados na Seção III, Subseção iii, Regra C com uma emenda à Regra C.4.c descrita abaixo.

2. Ao final de uma Partida de prorrogação, caso a mesma ocorra na pós-temporada, se ambos os Candidatos tiverem o mesmo número de votos, o Candidato que ganhou a respectiva partida entre os dois na temporada regular será declarado o vencedor. Se a respectiva partida entre os dois Candidatos na temporada regular resultou em um empate, o Candidato com a melhor classificação no sistema de classificação da temporada regular explicado na Seção III, Subseção iii, Regra D será declarado o vencedor.

B. Os dezesseis Candidatos vão inicialmente participar de um torneio de dupla eliminatória padrão.

1. Todos os dezesseis Candidatos serão distribuídos de acordo com sua posição no sistema de classificação explicado na Seção III, Subseção iii, Regra D.

2. Para a rodada preliminar, os Candidatos serão pareados de acordo coma classificação na ordem a seguir: 1 x 16, 8 x 9, 5 x 12, 4 x 13, 6 x 11, 3 x 14, 7 x 10, 2 x 15.

3. Candidatos irão avançar pela chave dos vencedores e pela chave dos perdedores respectivamente.

a. Candidatos que ganharam a rodada preliminar irão fazer parte da chave dos vencedores e vão progredir ate que percam uma partida. Candidatos que perderem uma partida na chave dos vencedores serão colocados na chave dos perdedores. O ultimo Candidato que restar na chave dos vencedores será o campeão da chave dos vencedores.

b. Candidatos que perderem a rodada preliminar irão fazer parte da chave dos perdedores e vão progredir ate que percam uma partida. Candidatos que perderem uma partida na chave dos perdedores serão eliminados do torneio de dupla eliminatória. O ultimo Candidato que restar na chave dos perdedores será o campeão da chave dos perdedores.

c. O campeão da chave dos vencedores e o campeão da chave dos perdedores irão fazer parte da final do campeonato. Se o campeão da chave dos perdedores perder a ultima partida, ele será eliminado do torneio de dupla eliminatória. Se o campeão da chave dos vencedores perder a ultima partida, ocorrerá uma revanche da final do campeonato e o perdedor dessa revanche será eliminado do torneio de dupla eliminatória.

4. No final da pós-temporada, quando apenas um Candidato restar no torneio de dupla eliminatória, esse candidato será declarado o Campeão da ISML 2009.

C. O sistema final de classificação para a pós-temporada será determinado pelo avanço de um Candidato pelo torneio de dupla eliminatória.

1. O Candidato declarado campeão da Liga Internacional de Saimoe 2009 receberá a classificação final de primeiro lugar.

2. O Candidato que foi derrotado na partida final do campeonato receberá a classificação final de segundo lugar.

3. O Candidato que foi eliminado do torneio de dupla eliminatória na sexta rodada da chave dos perdedores receberá a classificação final de terceiro lugar.

4. O Candidato que foi eliminado do torneio de dupla eliminatória na quinta rodada da chave dos perdedores receberá a classificação final de quarto lugar.

5. Os dois Candidatos que foram eliminados do torneio de dupla eliminatória na quarta rodada da chave dos perdedores se enfrentarão em uma partida de consolação para o quinto lugar. O vencedor receberá a classificação final de quinto lugar e o perdedor receberá a classificação final de sexto lugar.

6. Os dois Candidatos que foram eliminados do torneio de dupla eliminatória na terceira rodada da chave dos perdedores se enfrentarão em uma partida de consolação para o sétimo lugar. O vencedor receberá a classificação final de sétimo lugar e o perdedor receberá a classificação final de oitavo lugar.

7. Os quatro Candidatos que foram eliminados do torneio de dupla eliminatória na segunda rodada da chave dos perdedores irão fazer parte de um torneio de eliminação simples distribuído por classificação.

a. O Candidato com a melhor classificação enfrentará o Candidato com a pior classificação na primeira partida e os outros dois Candidatos se enfrentarão na segunda partida.

b. Os vencedores da primeira e segunda partidas se enfrentarão em uma partida de consolação para o nono lugar e os perdedores da primeira e segunda partidas se enfrentarão em uma partida de consolação para o décimo primeiro lugar.

c. O vencedor da partida de consolação para o nono lugar receberá a classificação final de nono lugar. O perdedor da partida de consolação para o nono lugar receberá a classificação final de décimo lugar.

d. O vencedor da partida de consolação para o décimo primeiro lugar receberá a classificação final de décimo primeiro lugar. O perdedor da partida de consolação para o décimo primeiro lugar receberá a classificação final de décimo segundo lugar.

8. Os quatro Candidatos que foram eliminados do torneio de dupla eliminatória na primeira rodada da chave dos perdedores irão fazer parte de um torneio de eliminação simples distribuído por classificação.

a. O Candidato com a melhor classificação enfrentará o Candidato com a pior classificação na primeira partida e os outros dois Candidatos se enfrentarão na segunda partida.

b. Os vencedores da primeira e segunda partidas se enfrentarão em uma partida de consolação para o décimo terceiro lugar e os perdedores da primeira e segunda partidas se enfrentarão em uma partida de consolação para o décimo quinto lugar.

c. O vencedor da partida de consolação para o décimo terceiro lugar receberá a classificação final de décimo terceiro lugar. O perdedor da partida de consolação para o décimo terceiro lugar receberá a classificação final de décimo quarto lugar.

d. O vencedor da partida de consolação para o décimo quinto lugar receberá a classificação final de décimo quinto lugar. O perdedor da partida de consolação para o décimo quinto lugar receberá a classificação final de décimo sexto lugar.

D. Todas as regras na Seção III, Subseção iii, Regra F se aplicará as rodadas da pós-temporada.

IV. Legal

i. Avisos Legais.

A. A Liga Internacional de Saimoe é uma organização sem fins lucrativos e, portanto, não busca nenhum aumento substancial em seu rendimento. Todas as votações são livres de despesas. Podem existir casos aonde será pedida uma doação monetária aos eleitores e participantes para propósitos técnicos e operacionais, mas a decisão de doar e a quantidade doada serão deixadas a critério dos eleitores e participantes. Essas decisões não serão forçadas de nenhuma forma ou maneira pela Liga Internacional de Saimoe.

B. Não é garantido que informações externas, em todas as suas formas, incluindo, mas não limitado a, informações das biografias, históricos de Saimoe, e informações de direitos autorais, sejam totalmente precisas. Portanto a Liga Internacional de Saimoe, sua equipe de pessoas responsáveis, e seu proprietário, não podem ser considerados legalmente responsáveis por qualquer dano causado pelo uso e mau uso das informações contidas nas paginas hospedadas no domínio www.internationalsaimoe.com.

C. Os nomes de todos os Candidatos e também os nomes das séries de anime que representam não pertencem de nenhuma maneira a Liga Internacional de Saimoe. Todos os direitos autorais pertencem a seus respectivos proprietários como é listado a seguir.

1. Nomes das séries titulares a seguir são de direitos autorais da Kyoto Animation Co., Ltd.

a. CLANNAD

b. Suzumiya Haruhi no Yuuutsu (The Melancholy of Suzumiya Haruhi)

c. Kanon

d. Lucky Star

e. Full Metal Panic!

2. Nomes das séries titulares a seguir são de direitos autorais da Shaft, Inc.

a. Negima?!

b. Hidamari Sketch

c. Sayonara Zetsubou Sensei

3. Nomes das séries titulares a seguir são de direitos autorais da Studio Deen Co., Ltd.

a. Higurashi no Naku Koro ni (When They Cry)

b. fate/stay night

4. Nomes das séries titulares a seguir são de direitos autorais da Nomad, Inc.

a. Rozen Maiden

b. sola

5. Nomes das séries titulares a seguir são de direitos autorais da Oriental Light and Magic Incorporated.

a. Utawarerumono

b. ToHeart2

6. Nomes das séries titulares a seguir são de direitos autorais da MADHOUSE Ltd.

a. Strawberry Panic

b. Cardcaptor Sakura

7. Nomes das séries titulares a seguir são de direitos autorais da J.C.Staff Co., Ltd.

a. Shakugan no Shana (Shana of the Blazing Eyes)

b. Zero no Tsukaima (The Familiar of Zero)

8. Nomes da serie titular Hayate no Gotoku! (Hayate the Combat Butler) são de direitos autorais da SynergySP, Ltd.

9. Nomes da serie titular Mahou Shoujo Lyrical Nanoha (Magical Lyrical Girl Nanoha) são de direitos autorais da Seven Arcs Corporation.

10. Nomes da serie titular ARIA the Animation são de direitos autorais da Hal Film Maker.

11. Nomes da serie titular BAMBOO BLADE são de direitos autorais da Anime International Company Inc.

12. Nomes da serie titular Code Geass são de direitos autorais da SUNRISE Inc.

13. Nomes da serie titular Kamichu! são de direitos autorais da Aniplex Inc.

14. Nomes da serie titular Minami-ke são de direitos autorais da Doumu Inc. and Asread Inc.

15. Nomes da serie titular School Rumble são de direitos autorais da Studio Comet.

16. Nomes da serie titular Spice and Wolf são de direitos autorais da Imagin Co., Ltd.

17. Nomes da serie titular Tsubasa Chronicle são de direitos autorais da BEE TRAIN Production Inc.

18. Nomes da serie titular To Love-Ru são de direitos autorais da Xebec Inc.

D. A contagem dos votos após cada partida será conduzida regularmente pela Equipe Responsável pela ISML. A Equipe Responsável pela ISML não vai, não irá e não poderá apresentar nenhum favoritismo a nenhum Candidato durante o processo de contagem de votos. Todos os resultados somente são oficiais 24 horas após o término da respectiva Partida regular ou de prorrogação e eles estão, portanto, abertos a apelação durante esse período de tempo, de maneira que a Equipe Responsável pela ISML irá repetir o processo de contagem de votos e fará qualquer ajuste necessário. Todos os apelos devem ser enviados como uma justificação escrita por email para [email protected] A partir do momento que o resultado for oficial a Equipe Responsável pela ISML não pode ser considerada legalmente responsável por qualquer possível ajuste no resultado final.

E. Embora a Equipe Responsável pela ISML tentará fiscalizar o cumprimento da Regra F da Seção III, Subseção iii da maneira mais estrita possível, pode ocorrer situações onde nem todos os votos em violação à Regra F sejam detectados pela Equipe Responsável pela ISML ou eleitores banidos por violações a Regra F descubram métodos alternativos de submeter seus votos. A Equipe Responsável pela ISML trabalhará ao máximo de sua capacidade para minimizar a ocorrência dessas situações.

F. Todas as Partidas estão provisoriamente agendadas para começar as 0000 GMT em uma data predeterminada. Todas as datas e horários são provisórios. A Equipe Responsável pela ISML se dá o direito de mudar a data e horário propostos para toda e qualquer Partida. Todas as mudanças serão anunciadas antes do tempo de início proposto anteriormente da partida em questão.

G. O propósito da Liga Internacional de Saimoe é tentar apresentar um sistema de Partidas justo de modo que os Candidatos possam ter a chance de competir contra todos os outros Candidatos. Enquanto a lisura e a paridade da programação como um todo é garantida, o mesmo não é garantido para cada Período. A Equipe Responsável pela ISML assegurou o seu melhor, mais honesto e mais virtuoso esforço para dispor uma Força de Programação respectivamente consistente para todos os Candidatos sem nenhuma inclinação, favoritismo ou discriminação e, portanto, não pode ser considerada legalmente responsável por dar a qualquer Candidato uma programação de período não balanceada.